Marketing Direto X Marketing Indireto (Branding) para Controladoras de Pragas

0 Flares Filament.io 0 Flares ×

Se sua controladora de pragas não sabe a diferença dessas duas estratégias de atuação no mercado VOCÊ ESTÁ FADADO A DERROTA FINANCEIRA.

Caso você não saiba ainda, então é ótimo que você esteja aqui. Ao terminar de ler você não vai ser um expert no assunto, mas vai estar mais apto a decidir como e onde aplicar seu dinheiro, além de ter maiores chances de ser bem sucedido no mercado. Então, vamos começar entendendo por que as pessoas erram tanto na hora de fazer marketing para controladoras de pragas.

1. Branding

O Branding é a estratégia que todo mundo conhece, porque é o senso comum. É a estratégia usada pelas grandes empresas, como Coca-Cola, Carrefour, Extra, Avon, Natura, Bayer, Basf e muitos outros gigantes do mercado. Nessa estratégia o marketing é voltado para a marca, eles querem que você se lembre da marca deles. Assim, no momento de comprar um produto você lembra deles e adquire os itens que eles oferecem. Mas há dois problemas em aplicar esse tipo de estratégia para controladoras de pragas:

  • Ninguém quer lembrar de controle de pragas. Por mais que se tente mudar a imagem e passar a ideia de saúde ligada ao controle de pragas, o fato é que o próprio nome do setor lembra pragas, que lembra barata, formiga, rato, escorpião…… ou seja, só coisas das quais a maioria das pessoas tem repulsa, medo ou outros sentimentos negativos associados. Falar em MIP, GIP ou CIP já ajuda, mas ainda assim estamos falando de pragas.
  • Fazer com que as pessoas pensem na sua marca implica em investimentos massivos e constantes, sua dedetizadora vai precisar investir constantemente em rádio, TV, jornal impresso, outdoors e outras formas de marketing muito caras. Isso é insustentável para uma controladora de pragas, especialmente no início. Controladoras de pragas como a Insetsan ou Dddrin, que já são gigantes do mercado, podem se dar ao luxo de usar o branding, mas para o restante dos mortais, essa estratégia leva a falência certa!

Então, o que fazer para crescer de forma sustentável e gerar caixa para sua dedetizadora sem necessariamente gastar rios de dinheiro?

2. Marketing direto

Dedetizadora com Marketing Direto
Dedetizadora com Marketing Direto

O marketing direto é um conjunto de estratégias que permite que sua controladora de pragas faça baixos investimentos e vá medindo o retorno deles de forma gradual e progressiva. Quanto mais resultado uma estratégia lhe traz, mais sua dedetizadora aumenta o investimento nela, quanto menor o resultado, menor o investimento nos próximos meses.

E quais são as estratégias de marketing direto? Quais delas funcionam e quais não funcionam? Isso depende! Depende de sua região, depende de sua classe social alvo (classe A, B, C ou D), do tipo de público (PF ou PJ) e etc. Ou seja, depende do seu public alvo ou AVATAR.

Uma vez que você define o avatar de sua dedetizadora, aí pode começar a pensar em estratégias de marketing direto. A mais falada e mais comum atualmente para controladoras de pragas são os anúncios no Google. Minha experiência durante os 5 anos que gerenciei o marketing da Dedetizadora Brasil, controladora de pragas da qual fui proprietário e vendi em fevereiro de 2016 (se quiser conhecer o processo de venda da minha controladora de pragas assista ao vídeo aqui), me mostrou que essa estratégia pode ser excelente para o caixa da empresa quando bem implementada e se medida de forma correta.

Outra forma de marketing direto que dá muito resultado é o telemarketing para reativação de cadastros. Ou seja, ligar para clientes de seu cadastro que não executam serviços as muito tempo e fazer com que eles voltem a ser clientes de sua controladora de pragas. Medir o retorno dessa estratégias é muito simples e os custos envolvidos são do profissional de telemarketing e da linha telefônica.

Participar de feiras ou eventos onde seu público alvo (avatar) esteja presente também pode ser favorável, mas aqui você deve ter cuidados pois há eventos onde o foco é apenas a divulgação pura e simples e há eventos onde o foco é na contratação de fornecedores. Se o foco for o divulgação estamos falando de um evento de branding, se o foco for na busca de fornecedores (e no caso você for um fornecedor potencial) estamos falando de um evento que pode ser visto como de marketing direto.

Malas diretas e panfletos também são considerados marketing direto, embora pela minha experiência essas forma de divulgação não entregue tanto resultado e não valham tanto a pena. Mas não acredite no que não deu certo pra mim! Pode ser que o que não funcionou para mim funcione muito bem para seu público alvo e região, então faça testes você mesmo e descubra, quem sabe para sua dedetizadora essa estratégia não dê certo?

Há outras formas de marketing direto, como parcerias com petshops (para vendas de serviços contra pulgas e carrapatos), com empresas agropecuárias (que indiquem seus serviços caso clientes tentem comprar serviços para executarem controle de pragas por conta própria), um carro que chame a atenção na rua e atraia público para sua dedetizadora etc. Seja criativo e você vai ver que há muitas formas de atrair clientes com baixo investimento ou nos quais o investimento só acontece no caso de o cliente contratar (indicação é um exemplo: você só tem o gasto caso o cliente contrate).

3. Os testes

São fundamentais! Testar é a chave do marketing! Para testar as estratégias de venda você precisa conhecer técnicas específicas para isso e usar planilhas que te ajudem a medir cada passo de sua venda, ou pode usar uma ferramenta que automatize todo o processo. Uma dessas ferramentas é o próprio SIS Controladoras e você pode entender um pouco mais sobre isso cadastrando-se em nosso site ou ligando para o telefone que está em nossa tela inicial.

Caso queira aprender a montar uma planilha que te ensine a medir todo o processo de vendas de sua controladoras de pragas e a descobrir o que está funcionando e o que não está funcionando para sua controladora de pragas, continue acompanhando nossa página. Nos próximos dias vamos divulgar um artigo sobre o assunto. Com essa planilha você vai descobrir quanto cada real investido em cada estratégia de marketing retorna para sua empresa. Por exemplo, pode ser que cada real investido em Google gere R$ 5,00 para sua dedetizadora e que cada real investido em panfletagem retorne R$ 1,20 para sua controladora de pragas. Se fosse esse o caso, para onde você direcionaria seu dinheiro?

4. Resumo e Conclusão

Tente pensar assim. O marketing direto é aquele que aparece só quando o cliente precisa. Muita gente vai ouvir a rádio e não vai dar a mínima porque não precisa dedetizar. Vai reforçar sua marca, mas não vai vender. No Google a pessoa só procura se precisa, no google sua marca não é reforçada mas quando te procuram é porque querem querem comprar.

O investimento em marketing deve ser uma estratégia e deve ser pensado e medido do início ao fim. Deve ser planejado, executado, monitorado e controlado. Quem não está fazendo isso está rasgando dinheiro.

Acompanhe nossos treinamentos de marketing, o próximo será (ou já foi dependendo de quando você estiver lendo isso) dia 25/06/2016 (sábado) às 10h e você poderá acompanhar tudo pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=zjrJ0Ido-qQ.

Faça marketing conciente!

Um abraço!

Andre Such – Criador do SIS Controladoras

Fontes:

https://endeavor.org.br/marketing-direto/?esvt=-b&esvq=_cat%3Aendeavor.org.br&esvadt=999999—1&esvcrea=75514462525&esvplace=&esvd=c&esvaid=50078&gclid=CjwKEAjwg6W6BRDn6v__7vzN9QkSJAC9l9C3BbAYn_3IwsLdK9Y5ykonkwUyzO96hRunyvtcBXodaxoCxKLw_wcB]

http://empresasefinancas.hsw.uol.com.br/planos-de-marketing28.htm

Minha própria vivencia de 7 anos de empreendedorimos :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *