6 dicas para organizar o financeiro da sua Controladora de Pragas

Publicado em: 12 de novembro de 2020
Categorias: Gestão e Negócios
financeiro

O controle financeiro costuma ser o pior dos problemas entre os empreendedores, mas não precisa ser assim! O segredo para manter as contas em dia está na organização. 

Ao organizar o setor financeiro de uma empresa, é possível detectar custos elevados, desperdícios e o nível de endividamento em casos mais complexos. Além de economizar tempo a longo prazo com as contas organizadas. 

Precisa melhorar o controle financeiro da sua controladora de pragas e não sabe como? Reunimos 6 dicas para você começar a faxina financeira agora, confira! 

1. Mantenha o controle dos ganhos e gastos

Basicamente, ganhos são as receitas obtidas por meio da venda dos produtos ou serviços da sua empresa. Já os gastos envolvem os custos de produção ou execução dos serviços junto com as despesas para manter tudo funcionando, como compra de equipamento e material, salário dos funcionários e aluguel.

Uma empresa com o financeiro saudável mantém os ganhos sempre maiores do que os gastos. E como fazer isso? A primeira coisa é fazer o controle desses valores. Pode começar com uma planilha no Excel, anote tudo que sai e entra na empresa e veja se as contas estão equilibradas. 

Há mais gastos do que ganhos? Então comece a planejar o que pode ser feito para aumentar os ganhos: captar mais clientes, oferecer outros serviços para clientes habituais, oferecer descontos de fidelidade ou benefícios especiais para quem indicar a empresa para familiares e amigos. 

2. Separe contas pessoais e empresariais

É difícil fazer esse planejamento quando as finanças pessoais estão misturadas com as do negócio. Por mais que a tentação seja forte, é preciso separar os recursos destinados à sua controladora e o que é reservado à vida pessoal. 

Empresas familiares costumam apresentar essa dificuldade. Para resolver, é preciso determinar junto aos sócios os períodos e condições que devem ser observadas a realização das retiradas, transferindo o capital da empresa para o patrimônio pessoal. 

3. Fique atento aos prazos

Conhecer bem os prazos é o primeiro passo para controlar o fluxo de caixa da sua controladora de pragas. Estar ciente das datas de recebimento, restrições de prazo e vencimentos das contas é essencial para evitar atrasos e pagamento de juros. 

Mantendo as contas em dia, ou até pagando com antecedência, é possível conseguir boas condições de pagamento. Ajustar prazos, negociar e parcelar valores são ações que podem fazer a diferença no final do mês. 

4. Faça uma gestão adequada dos fornecedores

Um dos fatores que causam mais preocupação aos empresários no ramo de controle de pragas é a gestão dos fornecedores. A compra de equipamentos, material, inseticidas e KPIs pode ser estressante, principalmente se estiver lidando com diferentes fornecedores.

Para evitar atrasos e compra de material em cima da hora e com altos preços, é importante fazer uma análise completa das empresas parceiras, mantendo um bom relacionamento e gestão. 

A dica acima se repete aqui: organize os prazos, se organize para manter o pagamento dos fornecedores em dia e mantenha o controle dos seus equipamentos e produtos. Já demos dicas de como organizar o seu estoque aqui

5. Organize os documentos

A papelada de uma controladora pode ser grande. Entre Ordens de Serviço, orçamentos, contratos e contas, a desorganização pode tomar conta da empresa. Acondicionar documentos financeiros de forma organizada traz economia de tempo em busca e possibilita que as informações estejam disponíveis para todos com maior agilidade. 

6. Use um sistema

As planilhas ajudam a começar o trabalho, mas um software pode ser essencial para acompanhar o crescimento da sua controladora de pragas. No SIS Controladoras, o controle financeiro da sua empresa é completamente integrado. 

Tudo trabalha junto para facilitar a sua vida. Temos o único software para dedetizadoras que ao registrar uma ordem de serviço, automaticamente também gera o boleto e a nota fiscal eletrônica, anexando os dois em um email que é enviado a seu cliente. Entre muitas outras funcionalidades. 

Por ser um software completo, ele deixa de ser apenas um software para controle de caixa e fornece uma visão mais ampla de todas as partes do seu negócio. Além disso, com o sistema de conciliação bancária, você realiza as principais operações financeiras da sua controladora de pragas de forma prática, segura e automática. Ele possui integração com os principais bancos do país.